Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

MANGUALDE "recordar"

Mangualde, no distrito de Viseu, Beira alta, Portugal, cujo foral foi concedido em 1102 pelo Conde D. Henrique. ( todo o conteúdo do blogue é divulgação de pesquisa e não autoria de "MANGUALDE"recordar" )

MANGUALDE "recordar"

Mangualde, no distrito de Viseu, Beira alta, Portugal, cujo foral foi concedido em 1102 pelo Conde D. Henrique. ( todo o conteúdo do blogue é divulgação de pesquisa e não autoria de "MANGUALDE"recordar" )

Torre de Gandufe [Mangualde]

Em Gandufe, aldeia da Freguesia de Espinho, existe uma construção de carácter militar. Trata-se de uma torre medieval, dado que a forma como os silhares estão travados é típico das construções guerreiras da Idade Média. Foi, sem dúvida, além de fortificação, a habitação de um Senhor poderoso na região. Não se pode falar, em rigor, de um Senhor feudal, dado que o feudalismo não chegou a acontecer aqui com a mesma intensidade e com as mesmas características como no resto da Europa Cristã.

Reza a lenda popular que ali vivia um Senhor, de nome “Gondufão”. Seria, consequentemente, Gondufão o proprietário e senhor daquelas terras e região. Se atentarmos à filologia, segundo Leite de Vasconcelos, Gandufe é um genitivo medieval Gondufi ou Gundufi do nome Gondufo e este provém de Gondulfus, nome próprio de origem germânica formado de Gunthis – Batalha e Wulfs – Lobo, significando, assim, Lobo de Batalha.

Pode pensar-se, então, estarmos na presença da habitação de um Senhor de origem goda, logo Cristão, que do alto da sua torre dominava uma vasta região, nos anos longínquos da Idade Média. Naturalmente, as terras à volta da torre eram as terras de “Gondufe”, num ápice o nome do dono passou também a designar as terras daquela região. São vários os exemplos semelhantes por todo o país.

6185690_lGQ2c.png

 

3002 PopAds.net - The Best Popunder Adnetwork